[Parcus Canaletas Aparentes]

peça seu
orçamento

Boas práticas de segurança nas instalações de cabeamento estruturado

Existem ao menos 4 níveis de segurança que devem ser considerados ao se projetar um sistema de cabeamento estruturado:

– Segurança do usuário;

– Segurança do meio ambiente;

­­– Segurança do ambiente;

– Segurança elétrica.

Estes níveis estão inter-relacionados, e diretamente ligados à escolha do sistema de canaletas que será usado.

Com relação à sua constituição, podemos dizer que os sistemas de canaletas aparentes podem ser de dois tipos: metálicos ou plásticos. Qual é o mais seguro? Qual tem a melhor relação custo-benefício? Qual escolha é a mais responsável em relação ao meio ambiente?

Vamos analisar estas questões em cada um dos 4 níveis que destacamos:

1. Segurança do usuário

Existem alguns fatores que fazem um sistema de cabeamento aparente ser seguro e confortável ao uso cotidiano. Certamente existe contato físico entre o usuário e as canaletas, seja por esbarrões involuntários, seja em situações de rotina.

A primeira questão que devemos levar em consideração é que, além de cabos de dados e telefonia, o sistema é usado para distribuição elétrica. Neste ponto os sistemas feitos a partir de ligas metálicas e alumínio entram em desvantagem. Necessariamente suas carcaças precisam estar aterradas, e o aterramento da instalação precisa ser muito seguro. Sistemas feitos com plásticos de boa qualidade são naturalmente isolantes.

Outro ponto é o conforto ao toque e até mesmo o risco de lesões. Sistemas metálicos possuem arestas cortantes. Existe o risco de sérias lesões durante a instalação, e mesmo depois, com o uso diários, não são raros cortes e arranhões. Bons sistemas plásticos possuem arestas arredondadas e peças de encaixe com formatos ergonômicos, o que minimiza muito as lesões por acidente.

2. Segurança do ambiente

Acidentes elétricos são a principal causa de incêndios. Sistemas metálicos são por natureza condutores. O alumínio inclusive, é quase tão condutivo quanto o cobre. Uma falha na instalação do sistema pode deixar uma bomba relógio pronta a causar um grande acidente.

Um sistema em plástico por outro lado tem a vantagem de ser isolante. Além disso, materiais confeccionados com plásticos de boa qualidade têm a vantagem de não propagarem chamas, pois são auto extinguíveis.

Outro fator importante de segurança é que canaletas feitas com um bom plástico apresentam comportamento flexível. Em caso de pequenas colisões com objetos nas tampas das canaletas o impacto é absorvido e nada acontece com a canaleta. No caso de sistemas metálicos, a tampa amassa, e não em raras ocasiões, perde o encaixe, deixando toda a fiação interna aparente, aumentando os riscos de acidentes.

3. Segurança do meio ambiente

O plástico é o grande vilão do meio ambiente na atualidade. Mas será que o plástico em si é o problema?

Vários estudos mostram que na verdade o problema é a forma que este material é descartado, e a falsa percepção de ser algo feito para uso temporário.

Existe uma cultura de uso desenfreado de descartáveis, que na maioria das vezes poderiam ser substituídos por opções mais sustentáveis. Mas, em muitos casos, a opção mais sustentável é sim usar o plástico.

Pouco se fala do impacto ambiental de se produzir qualquer coisa feita de metal. A extração do metal é altamente destrutiva ao meio ambiente, podendo ser até catastrófica como infelizmente vimos recentemente em dois sérios acidentes com mineradoras no Brasil.

Além disso, ao comparar produtos feitos em metal com similares feitos em plástico, nem sempre a opção em metal é mais durável por sofrer corrosão, o que pode gerar uma substituição em um tempo relativamente curto, levando à mais degradação ambiental.

Plásticos de alta qualidade geram produtos duráveis e recicláveis, reduzindo o ciclo de extração de recursos do meio ambiente.

4. Segurança elétrica

Sistemas de cabeamento aparente confeccionados em metal exigem muito mais cuidado na instalação. Um parafuso de uma tomada que não foi apertado corretamente, uma conexão mal isolada, um deslize do instalador pode criar uma situação de fuga de corrente. Se o aterramento falhar, é acidente certo.

Além do risco de prejuízos materiais, há o risco de causar sérias lesões nas pessoas que usam o sistema.

Qual o desempenho da Parcus Design em todos estes itens?

As canaletas da Parcus são confeccionadas em plástico de alta qualidade, com total atenção à usabilidade dos produtos, e por isso atendemos a todas as normas brasileiras, apresentando total segurança em todos os itens.

Podemos destacar alguns diferenciais:

Canaletas confeccionadas em PVC de alta qualidade, são duráveis, flexíveis e não propagam chamas.

Em nosso exclusivo sistema de tomadas e interruptores elétricos utilizando rabichos não há parafusos para as conexões de cabos, diminuindo o risco de instalações mal executadas.